sexta-feira

Xbox One

O console Xbox One permite uma experiência incrível e acabamento perfeito

Microsoft mostra ao mundo o poder da nova geração de consoles e faz o que parecia impossível, torna obsoletos os poderosos Xbox 360 e Playstation 3. Com isso, a Sony terá que trabalhar mais para se manter como líder do mercado.

Xbox One

O seu preço ainda é uma entrave, pois enquanto o Xbox 360, fabricado no Brasil, era muito elogiado por apresentar um preço em conta, este modelo já leva o título de um dos mais caros. Mas, ele tem o seu mérito, a começar pela capacidade de armazenamento, uma das tops do mercado. Confira o review!


Mudanças significativas e com comando de voz


O console da Microsoft mede 34 cm de altura, 26 cm de largura e 8 cm de profundidade. O material é basicamente o mesmo do Xbox 360 (plástico de ótima qualidade e bem resistente), a sua estrutura é bem rígida e robusta. É um tipo de produto que ocupa um pouco de espaço no ambiente, por isso reserve um bom espaço na sua estante. Nesse quesito, a Microsoft dificilmente decepciona e mostra muito capricho a cada lançamento, pois o acabamento não apresenta qualquer tipo de rebarba (também com um custo alto isso seria um sacrilégio). As linhas continuam com traços fortes, mas as bordas não são arredondadas, mesmo assim, o aparelho não perde o aspecto de modernidade. 

O visual é bem bacana, que somando à tonalidade Black Piano, brilhante, acrescenta um charme a mais, já que as extremidades são chanfradas. O seu peso é bem exagerado e isso nos incomodou bastante. Com isso, você vai precisar manusear ou mesmo transporta o seu equipamento com muito cuidado, já que ele pesa 5,5 kg.

O controle do Xbox One sofreu alterações, se comparado ao do Xbox 360, mas nada muito drástico, o principal alvo da mudança é o botão "home", que foi alocado para cima. Ele ganhou 40 novas opções que prometem garantir o máximo de entretenimento. Os gatilhos de impulso apresentam mais precisão, o que proporciona uma experiência mais real. Os direcionais analógicos e o digital estão mais simples e a textura permite maior conforto.



Se quiser, você pode alternar entre o jogo e os diversos filmes, uma vez que estão disponíveis os melhores aplicativos do mercado. É possível alterná-los simultaneamente, bem como executar as atividades ao mesmo tempo.

O bacana deste console é que ele pode funcionar como uma espécie de central multimídia, daí você pode marcar seus filmes, músicas, conteúdos favoritos, etc. Outro grande destaque está relacionado ao fato dos downloads e updates acontecerem em segundo plano, o que permite aproveitar ainda mais seu tempo junto ao aparelho. Se precisar pausar os jogos, eles serão interrompidos exatamente onde você parou. Dessa forma, quando retornar vai poder iniciar da posição em que parou. 

O Kinect foi completamente redesenhado e agora está mais preciso, rápido e intuitivo. O reconhecimento de voz, bem como o sensor de movimento são muito bem executados. O comando de voz é um recurso a parte, já que as ações podem ser realizadas simplesmente com o som de sua voz, para isso basta configurar. E essa missão é bem simples, porém para tirar todas as possíveis dúvidas, leia o manual de instruções.

Com a tecnologia "Living Games", os jogos continuam mesmo sem ninguém brincando. Isso é legal, porque a inteligência artificial avançada pode aprender a jogar como você. Assim, seus amigos vão ter a possibilidade de jogar contra você, sem a sua presença.




Características técnicas e desempenho


Este console vem com 8GB de RAM (muito acima da média, que costuma oferecer cerca de 512MB), processador AMD 8-Core, com velocidade de 1,6 GHz, 64 bits e 500 GB de HD (uma das maiores capacidades do mercado atual). E pela primeira vez foi criado um sistema operacional para jogos que funcionam com sistema operacional Windows 8. 

O Kinect 2.0 tem uma nova câmera IR e o mais interessante, que pudemos detectar, está relacionado ao seu funcionamento, já que ela permite ver no escuro e utiliza uma avançada geometria 3D, que pode emite um alerta se você estiver perdendo o equilíbrio. Além disso, ela grava em Full HD (1080p) oferece captura de 30 FPS. 

A Microsoft também promete que a tecnologia de movimento do periférico é capaz de rastrear até o menor dos gestos, o que faz com que um simples aperto de mãos resulte em um controle preciso para um jogo. 

Outro grande ponto positivo deste console está na sua biblioteca de jogos exclusivos, dentre os quais se destacam: Sunset Overdrive, Halo 5, D4, Quantum Break, TitanFall, Forza Motorsport 5 e até o retorno da saga Killer Instinct (fez muito sucesso nos aparelhos da Nintendo). 

Atendendo os pedidos dos fãs, a empresa aboliu a necessidade de estar sempre online para jogar. O que deixa a alternativa de você não conectar, se não quiser. Mas, o recurso do Wi-Fi está disponível para quando desejar utilizá-lo. Nesse sentido, a gente não percebeu qualquer tipo de problema, uma vez que a velocidade deste equipamento surpreende. 


Por falar em rapidez, o USB 3.0 é um recurso muito bacana e muito bem vindo neste equipamento que vem com a intenção de revolucionar o mercado, por meio dele você vai poder conectar o seu pen drive ou acessório compatível e acessar os seus dados sem qualquer dificuldade. 

Já o HDMI ajuda na hora de conectar os mais diversos tipos de dispositivos, além de fornecer imagens com muita qualidade. Ainda é possível revender e emprestar seus jogos, como sempre ocorreu e a restrição de conteúdo por regiões também foi esquecida pela gigante americana.

Você pode compartilhar seus melhores momentos dos jogos com o "Game DVR" e com o Xbox SmartGlass. O legal é que aqui é possível transformar o celular ou tablet em uma segunda tela, que pode interagir com seu Xbox One. Dá para navegar com seu dispositivo sensível ao toque e interagir com sua TV. As mudanças por aqui forma bem significativas. 

Esta tecnologia sem fio e bivolt oferece o máximo possível de liberdade e dizemos isso porque pelo recurso Xbox Live, você pode se unir com outros membros da comunidade, o que permite acessar e compartilhar conteúdos diversos. 

Mas, nem tudo são flores e infelizmente o Xbox One não roda games do Xbox 360, o que significa que seus games salvos na Live serão inutilizados e o preço cobrado para adquirir o aparelho é absurdo. O seu custo também não é tão acessível, mas se isso não lhe assusta, invista, pois este é um produto de excelente qualidade.

Conexões e conteúdo da embalagem


O Xbox One 500GB oferece como conexões saída HDMI e USB 3.0 de alta velocidade, mas a fabricante ainda não informou a quantidade de conexões, mas junto com o console é possível encontrar: Xbox One, sensor Kinect, controle, manual de instruções. A garantia do produto é de 12 meses.


Conclusão


O Xbox One 500GB pode ser definido com apenas uma palavra, evolução, pois se comparado ao Xbox 360 este modelo está cem anos luz à frente. Ele já chega sanando (talvez) o principal problema do seu antecessor, apresentando mídia ótica, com o leitor de Blu-Ray. Além disso, o Kinect já vem incluso, o que provavelmente significa que muitos jogos da nova geração não utilizarão controles. Embora, apresente algumas pequenas falhas, os amantes deste tipo de produto, certamente, vão curtir bastante, mesmo que o seu preço seja alto.

  • Prós:
  • - Leitor Blu-Ray;
    - USB de alta velocidade;
    - Comando de voz;
    - Kinect incluso;
    - Central multimídia;
    - Jogos exclusivos.

    • Contras:
    • - Preço mais elevado em relação à geração anterior;
      - Peso;
      - Não lê jogos do Xbox 360;
      - Tamanho



Ofertas sujeitas a alteração de preço, condições de pagamento e disponibilidade de estoque, sem aviso prévio.